Onde baixar músicas e sons para os seus projetos

Olá! Tudo bem com vocês? 😊

Hoje eu vim pra compartilhar sobre áudio. Se você está produzindo conteúdo digital certamente já se deparou com a necessidade de adicionar uma trilha sonora a sua produção. Outra demanda recorrente são efeitos sonoros que ajudam a dar destaque, principalmente para quem edita vídeo ou podcasts e deseja, por exemplo, criar uma vinheta.

Pois bem, pesquisar esses ativos (assets como se diz em inglês) não é tarefa das mais simples. Existe muita coisa disponível na Internet – algumas até gratuitas – mas temos três grandes questões a considerar: a busca em outras línguas, os custos elevados em moeda estrangeira e os royalties.

Muitos dos sons e das canções disponíveis na Internet são vendidos. Temos grandes artistas produzindo constantemente para o meio digital e não vejo isso como problema, muito pelo contrário. Quando o custo cabe no orçamento eu compro sem questionar. Precisamos aprender a valorizar o trabalho dos produtores de conteúdo. Porém, há músicas que chegam a custar mais de 500 dólares, o que é inviável para pequenas produções e freelancers. Felizmente também há muita coisa boa disponível de forma gratuita, mas nem sempre é simples encontrar.

Uma da coisas que gosto de pontuar é que músicas são obras autorais assim como textos e imagens. Isso significa que se você não tem verba para investir, é altamente recomendável a busca por músicas livres de royalties que é a quantia paga ao artista pela execução da sua obra pelo mundo. Royalties não dizem respeito aos custo da obra em si, mas sim ao que deve ser pago toda vez que a música for executada. Sabe a cobrança do ECAD? É aquilo ali. Aqui é importante frisar que músicas livres de royalties não demandam esse tipo de pagamento e podem ser gratuitas ou não.

Com isso em mente você pode iniciar sua busca por músicas e sons que sejam gratuitos e livres de royalties. Esses não terão custos pra você. Existem acervos muito bons, alguns deles com filtros de busca que facilitam o seu trabalho. O lado não tão bom disso tudo é que a grande maioria está em inglês ou em outras línguas estrangeiras. Há bem pouco conteúdo em português. Mas, essa questão da língua não é nada que o tradutor do navegador não ajude você a desenrolar. Eu costumo acessar repositórios em inglês e em francês que são as línguas com as quais tenho maior contato.

O último ponto de atenção diz respeito a licença de uso. Músicas e sons podem estar disponíveis para download na Internet em repositórios para compra ou para download gratuito. Em ambos os casos há licenças específicas que orientam sobre a necessidade de citação dos créditos. As condições de uso e a licença são as primeiras coisas que você deve procurar ao acessar um website repositório de áudios. Quando não respeitamos essas condições estamos ferindo os direitos autorais e podemos até mesmo responder judicialmente por isso. Então é bom ficar esperto.

Nas minhas andanças pela web eu montei uma lista de bons repositórios que alimentam minha criatividade e as minhas produções audiovisuais. São websites que conheci realizando buscas, por indicação de colegas ou em cursos dos quais participei. A seguir compartilho a lista dos que mais acesso com o nome seguido do endereço eletrônico e o tipo de licença de uso.

 


YouTube Audio Music Library 

https://www.youtube.com/audiolibrary/music

A YouTube Audio Music Library é o repositório de áudios do YouTube. Possui um filtro específico para buscas de músicas e efeitos sonoros livres de royalties com licença marcada como “atribuição não necessária”. Nesse caso não é necessário atribuir os créditos. Lembrando que há conteúdos que requerem atribuição.

Facebook Sound Collection


Outro repositório para download gratuito de músicas livres de royalties é a Facebook Sound Collection. Nesse caso a licença é um pouco diferente. Os termos de uso da coleção de sons do Facebook dizem o seguinte: o conteúdo está disponível unicamente para a finalidade de uso em vídeos criados, carregados e distribuídos na plataforma do Facebook (inclusive por meio de links para a plataforma do Facebook incorporados em sites de terceiros). Nesse caso, é importante atribuir os créditos tanto para o Facebook como para o artista.

Freesfx


É um banco de músicas britânico com centenas de sons e músicas gratuitas para o seu projeto. É necessário criar uma conta para realizar o download e você deve atribuir o crédito ao website reproduzindo o endereço eletrônico no crédito.

auboutdufil.com

 
É um repositório francês bem bacana e super organizado. São milhares de músicas separadas por gênero musical e a tela de download traz todas as informações que você precisa saber para atribuir o crédito dos autores corretamente. O material está disponível em licenças Creative Commons. Leia com atenção cada uma delas porque há pequenas diferenças de uma para a outra.

incompetech.filmmusic.io


Mais um bom repositório com músicas livres de royalties mantido pelo músico norte americano Kevin MacLeod. O material também está disponível em licenças Creative Commons que requerem a atribuição. Na tela de download eles também explicam como você deve atribuir os créditos corretamente. Para quem não deseja atribuir, existe a opção de pagamento das músicas que tem custo na faixa dos 20 euros, o que não é tão mal, mas com o valor do euro por aqui já é uma pequena fortuna para nós. Sendo assim, atribua o crédito e siga feliz com o seu projeto.

FMA

 
O Free Music Archive é bastante conhecido e tem um acervo gigantesco, inclusive de músicas em domínio público, o que é excelente. No entanto, a maioria das músicas está disponível em licenças Creative Commons e é importante ler com atenção cada uma delas porque há restrições de uso do tipo que não autoriza edição e obras derivadas. Toda a sua atenção é necessária nessa busca.

dogmazic.net


É o repositório de uma associação de música livre francesa onde você pode baixar músicas para os seus projetos. As músicas são disponibilizadas pelos autores em licenças Creative Commons.

ektoplazm.com

 
É um repositório para download de músicas do gênero Psytrance (música eletrônica). Eles se apresentam como a maior distribuidora mundial de música Psytrance gratuita (e legal), especializada em conteúdo de alta qualidade e com licenças Creative Commons.

zapsplat.com


É um bom repositório para pesquisa de sons e efeitos sonoros. Eles trabalham com licença própria que requer atribuição assim como o Freesfx. É necessário criar conta para realizar o download. Os modelos de atribuição sugeridos por eles são esses aqui: “Sound effects obtained from https://www.zapsplat.com“, “Additional sound effects from https://www.zapsplat.com“ e “Music from https://www.zapsplat.com.

freesound.org

 
Deve ser o mais conhecido repositório de sons e efeitos sonoros da web. É um dos primeiros retornos do Google e tem um acervo até bem bom. O material também está disponível em licenças Creative Commons e agora você já sabe que deve ler com atenção cada uma porque há pequenas diferenças entre elas. Há também material em domínio público. Viva!

free-loops.com


É semelhante ao Freesound.org e tem as mesmas características, inclusive material disponível em licenças Creative Commons. No entanto, há licenças diferentes que só permitem o uso dos sons para projetos pessoais. Ou seja, se você vai produzir um projeto para fins comerciais, esse tipo de licença proíbe o uso do som. Observe com carinho e atenção cada uma das licenças, tá?

Informações adicionais

Existe um motor de busca para localizar efeitos sonoros na Internet: o http://www.findsounds.com/. É um mecanismo de busca da web, como Google e Yahoo, mas com foco em sons. Segundo os desenvolvedores o FindSounds.com fornece recursos poderosos e é fácil de usar. Há um seletor para definir a língua para português o que ajuda na busca. Fica a dica para complementar suas pesquisas.

Os créditos podem ser atribuídos na tela final do seu projeto (como no cinema) ou nas legendas. Para vídeos postados nas redes sociais que possuem limitação de tempo, a descrição da postagem é um bom espaço para realizar essa tarefa. só não deixe de atribuir para não entrar em questões jurídicas, combinado?

⚡ Atenção: extrair músicas de vídeos postados no YouTube em aplicativos de terceiros é uma prática que fere os direitos do artista e da distribuidora.

Comentários

Postagens mais visitadas