01 agosto 2017

Vale a pena usar o Microsoft Edge?


O Edge é o navegador oficial do sistema operacional Windows 10. Ele veio para substituir o tão criticado Internet Explorer que definhou devido a sua lentidão e a uma série de outros problemas. Preocupada com o avanço do Google Chrome e a boa reputação do Firefox, a Microsoft decidiu entrar na briga e afirmou que desenvolveria um excelente navegador. Ela não estava brincando!

Com o slogan o navegador mais rápido e mais seguro projetado para o Windows 10, o Edge tem se destacado no meu dia-a-dia por ser a única opção que funciona 100% no Windows 10. Não é segredo pra ninguém que esse sistema operacional bugou a vida de milhares de usuários. Entre os infinitos bugs, muitos são relacionados à navegação na web. Até hoje o Firefox e o Chrome "mancam" no sistema. O primeiro pesando na conexão e o segundo travando mesmo. O Edge roda tranquilo e apesar de não ser tão rápido quanto os outros dois, não trava e não pesa. Dois pontos muito positivos para quem sofreu todas as dores da migração para o Windows 10.

Ao utilizar o Edge fui surpreendida por três excelentes ferramentas que são uma mão na roda para qualquer usuário da rede. São opções que já estão embarcadas no navegador sem a necessidade de novas instalações de extensões ou plugins. Muito bom pra quem usa Windows 10 e não tem uma máquina tão potente ou possui pouco espaço em disco. Veja nos gifs que preparei para esse post como tudo é simples!

Três excelentes funções que fazem você querer usar o Edge


1. Anotação Web





Essa ferramenta permite que você salve uma foto da tela e a edite como quiser. É o velho e bom screenshot ou print screen, mas dessa vez turbinado para você recortar, escrever sobre ou destacar conteúdos na tela. Se você levava seus screenshots para recortar no Word pare agora mesmo! Navegue através do Edge e recorte a área que deseja com essa ferramenta. Depois é só salvar no formato que desejar e inserir já recortada em seu documento ou compartilhar na rede.

2. Leitor de ebooks (.MOBI, .EPUB)




Essa é a mais maravilhosa das funções! Quem nunca comprou um ebook nos formatos .epub ou .mobi e teve dificuldade em abrir? Sabendo disso não é mais necessário ter um ebook reader para ter acesso ao conteúdo desses arquivos. O Edge tem uma ferramenta embarcada que reconhece e exibe o conteúdo desses formatos de forma semelhante a de dispositivos como o Kindle. Isso é sensacional porque amplia e muito o seu acesso ao conhecimento sem ter que instalar múltiplos softwares ou comprar um novo dispositivo.

3. Reservar guias




Como vocês já devem saber eu toco ao mesmo tempo inúmeros projetos digitais e sempre estou com dezenas de guias abertas no navegador. Não posso fechá-las porque passo o dia navegando entre elas. O problema é que às vezes o navegador trava ou o computador reinicia por algum problema e nem sempre as guias que estavam abertas são salvas. O Edge resolveu esse problema ao adicionar a ferramenta para reservar guias. Esses dois botões do amor reservam todas as guias abertas no momento e as exibe em aba única, em formato de miniaturas, organizadas pelo horário de salvamento. Maravilhoso!

Vale a pena superar o preconceito em relação ao Internet Explorer e dar uma chance à Microsoft. O Edge é realmente um bom navegador com muitas funcionalidades e que pode atender todas as suas necessidades. Considere um teste!